chevron-down chevron-left chevron-right chevron-up home circle comment double-caret-left double-caret-right like like2 twitter epale-arrow-up text-bubble cloud stop caret-down caret-up caret-left caret-right file-text

EPALE

Plataforma eletrónica para a educação de adultos na Europa

 
 

Recurso

Skills for the 21st century: Findings and policy lessons from the OECD survey of adults skills

Idioma: PT

Publicado por Ana Isa Figueira

Este documento descreve os resultados preliminares de um trabalho de investigação em curso que incide sobre os dados apurados pelo inquérito sobre as competências dos adultos, aplicado a propósito do Programme for the International Assessment of Adult Competencies (PIAAC).
O documento começa por sistematizar o que foi o PIAAC, apresentando-o como um estudo que sucedeu dois outros inquéritos aos adultos (Adult Literacy Survey - IALS e Adult Literacy and Life Skills Survey - ALL), mas com um alcance muito maior (não só em número de países envolvidos, mas também em termos de fiabilidade e riqueza dos resultados alcançados).
De seguida, sublinha os principais temas que puderam ser analisados, partindo de dados obtidos com o PISA, demonstrando, assim, a sua abrangência para a compreensão de matérias muito diversas, como: a transição da escola para o trabalho; as ligações entre o estudo PISA e o PIAAC; o retorno do investimento feito em competências; o desajuste das competências; a utilização dessas competências no local de trabalho; as vantagens comparativas e a cadeia global de valor; os desafios da 4.ª Revolução Industrial; a ligação com a aprendizagem ao longo da vida; a relação entre produtividade e salários e o envelhecimento; a desigualdade; e o bem-estar.
Por fim, o autor avança com sugestões de melhoria para o 2.º ciclo do PIAAC, que deverá ser lançado este ano, estando prevista para 2021-22 a recolha de dados. No seu entender, o estudo deverá incorporar uma perspetiva dos empregadores, medir o peso das soft skills (demonstrando se estas são complementares ou substitutas das competências cognitivas e em que medida são recompensadas no mercado de trabalho), e estabelecer maior ligação com o estudo PISA. Outra sugestão passa pela revisão do conceito da competência "Resolução de problemas em contextos enriquecidos pela tecnologia", uma vez que o autor suspeita que a mesma não seja percebida. Em alternativa, é sugerida a competência "Literacia em Tecnologias de Informação e Comunicação".

Autor(es) do recurso: 
OECD
ISBN: 
Unclassified
Data de publicação:
Quarta-feira, 17 de janeiro de, 2018
Língua do documento
Tipo de recurso: 
Estudos e relatórios
País:
Share on Facebook Share on Twitter Epale SoundCloud Share on LinkedIn