Passar para o conteúdo principal
Resource Details
RECURSOS

OECD Employment Outlook 2021: Navigating the COVID-19 Crisis and Recovery

A edição deste ano da publicação OECD Employment Outlook foca-se nas implicações resultantes da COVID-19, demonstrando, desde logo, o quanto os impactos desta crise foram mais penosos para os grupos que já se encontravam numa situação de maior vulnerabilidade, tendo sido estes os mais afetados pelo desemprego ou pela redução do tempo de trabalho. Conforme é referido no sumário executivo da publicação, os que já tinham empregos com menor salário, muitas vezes com contratos a termo, os que possuíam menor escolaridade e os jovens foram os mais afetados pela crise. Os restantes grupos foram capazes de se ajustar mais facilmente, à custa da redução do tempo de trabalho ou do teletrabalho.  A publicação sublinha ainda o “risco tangível” do aumento do desemprego de longa duração, assinalando que quase um ano e meio desde o início da crise, muitos trabalhadores ainda não recuperaram o emprego a tempo integral e, à medida que os apoios à retenção do emprego são revertidos, enfrentam um risco crescente de desemprego.  Além disso, muitos dos que perderam os seus empregos nas primeiras fases da pandemia continuam desempregados e enfrentam cada vez mais dificuldades em competir com os que se encontravam em empregos protegidos. Tudo isto gera, de acordo com o estudo da OCDE, o risco de um rápido aumento do desemprego de longa duração: “No final de 2020, havia de facto, 60% mais pessoas desempregadas há pelo menos seis meses e esse número continuou a crescer no primeiro trimestre de 2021”. Perante esta situação, a OCDE sugere que haja um ajuste no desenho dos programas de apoio à retenção de empregos que permita apoiar a recuperação. Estes apoios atingiram um pico, sem precedentes, de aproximadamente 20 por cento do emprego, em média, de toda a OCDE, em abril de 2020 (cerca de 60 milhões de empregos no auge da crise). Estes apoios ajudaram a limitar o aumento do desemprego, embora não haja indicação de que tenham tido um impacto significativo na criação de empregos.  O estudo também demonstra que, para fazerem face ao crescimento repentino do desemprego, cerca de dois terços dos países da OCDE aumentaram, em 2020, o orçamento dos seus serviços públicos de emprego e cerca de metade planeava fazê-lo em 2021, verificando-se que, efetivamente, continuam a ser necessários programas de formação e incentivos ao emprego, sobretudo destinados a trabalhadores deslocados e grupos vulneráveis, como jovens, mulheres, pessoas com baixas qualificações, com problemas de saúde e deficiência. A publicação destaca também o crescimento, em todos os países da OCDE, dos serviços de outsourcing, que acarretam riscos para a qualidade do emprego e para a igualdade. O outsourcing implica relações de trabalho tripartidas que poderão gerar ganhos em termos de produtividade e número de empregos mas tendem a acarretar salários mais baixos para os trabalhadores envolvidos.   A última parte do estudo é dedicada às regulamentações, negociações e horários de trabalho. Estes tendem a manter-se estáveis, desde 1990, para trabalhadores a tempo integral, na maioria dos países. O mesmo tem sucedido, desde meados da década de 2000, com a incidência de horas extras pagas entre trabalhadores a tempo integral. Todavia, estes padrões mascaram grandes diferenças entre grupos, revelando, por exemplo, horários de trabalho muito curtos entre as mulheres e entre os trabalhadores pouco qualificados. As diferenças são igualmente encontradas no que respeita ao recurso ao horário de trabalho flexível e ao teletrabalho.  Este já era mais frequente entre trabalhadores altamente qualificados e com melhores salários mas as disparidades aumentaram com a pandemia.  

Resource Details
ISBN
9789264340336
Autor(es) do recurso
OCDE
Tipo de recurso
Estudos e relatórios
Data de publicação
Língua do documento
Resource media
OECD Employment Outlook 2021: Navigating the COVID-19 Crisis and Recovery
Login (0)

Want to add a resource ?

Don't hesitate to do so! Click the link below and start posting a new resource!