News
Notícias

O novo registo Erasmus+ de pessoal de educação e formação para apoio a refugiados ucranianos

https://epale.ec.europa.eu/en/content/new-erasmus-register-education-and-training-staff

Com a crise na Ucrânia, na EPALE aumentámos o número de conteúdos e de recursos para ajudar a sua organização, bem como as suas atividades, a lidar com a educação para a crise e o apoio humanitário.

A EPALE lançou agora o novo registo Erasmus+ de pessoal de educação e formação para apoio a refugiados ucranianos, integrado nas suas medidas de auxílio a organizações que proporcionam educação e formação a refugiados ucranianos que fogem da agressão russa.

O registo abrange a educação de adultos, a educação e formação profissional, bem como a educação geral nos níveis pré-escolar, básico e secundário (incluindo a educação e os cuidados na primeira infância).

Qual é o objetivo deste registo?

Interligar:

  • indivíduos (professores, formadores e outros profissionais e especialistas em educação) que estejam dispostos a passar algum tempo no estrangeiro para ajudar na oferta de educação e formação a refugiados ucranianos e
  • organizações de educação e formação que trabalham com refugiados ucranianos e que procuram pessoas com competências relevantes para as apoiar.

Porque é que este é um registo ‘Erasmus+’?

O registo foi concebido especificamente para ajudar as organizações que executam projetos de mobilidade Erasmus+. O seu objetivo é ajudar as organizações que desejam utilizar os fundos do projeto para organizar atividades de mobilidade para funcionários de educação e especialistas que pretendam trabalhar com refugiados ucranianos.

Como funciona o registo?

Os professores, formadores e especialistas interessados podem dar a conhecer a sua disponibilidade, registando o seu nome e perfil no registo Erasmus+. As organizações de educação e formação podem, assim, pesquisar a lista de indivíduos registados para encontrar e entrar em contacto com uma pessoa com o perfil que procuram.

Que tipo de apoio é assegurado pelo programa Erasmus+?

O Erasmus+ pode conceder uma subvenção através de organizações de educação e formação que atualmente tenham em curso um projeto Erasmus+.

Os fundos podem ser concedidos:

  • pela organização de envio (sob a forma de uma subvenção para «Ensino ou realização de formação»), ou
  • pela organização de acolhimento (sob a forma de subvenção para «especialistas convidados»).

Em termos de cobertura geográfica, as atividades apoiadas pelo programa Erasmus+ devem ocorrer nos Estados-membros da União Europeia e em países terceiros totalmente associados ao programa Erasmus+: Islândia, Liechtenstein, Macedónia do Norte, Noruega, Sérvia e Turquia.

O registo não é uma candidatura a uma bolsa Erasmus+. O objetivo do registo é apenas facilitar o primeiro contacto entre organizações e indivíduos interessados. Se a cooperação for acordada, pode ser concedida uma subvenção Erasmus+ pela organização de envio ou pela organização que acolhe, de acordo com as regras padrão que regem o programa Erasmus+. A Comissão Europeia não pode conceder uma subvenção direta para uma atividade específica.

Para mais informações sobre o Erasmus+ e as regras aplicáveis, por favor contacte a Agência Nacional do seu país. Pode encontrar a lista de Agências Nacionais e as suas informações de contacto aqui.

Como usar o registo?

Para os indivíduos:

Se possui competências relevantes e deseja disponibilizar-se para trabalhar com organizações europeias de educação e formação que acolhem refugiados ucranianos, pode efetuar o registo.

Para as organizações:

Se estiver à procura de professores, formadores ou outros especialistas de países estrangeiros para apoiar os seus esforços no acolhimento de refugiados ucranianos, pode aceder à lista de especialistas registados.

Gostaria de entrar em contacto com voluntários de apoio à sua atividade relacionada com a crise na Ucrânia? Pretende participar e prestar assistência concreta? Poderá candidatar-se agora e tornar-se voluntário.

Login (12)

Pretende outro idioma?

Este documento também está disponível noutro(s) idioma(s). Selecione um, abaixo.
Switch Language

Quer escrever um artigo?

Não hesite em fazê-lo!

Clique na ligação abaixo e comece a publicar um novo artigo!

Discussões mais recentes

Focos temáticos 2021 da EPALE. Vamos começar!

Convidamo-lo(a) a enriquecer o que definimos para que este seja um ano intenso, contando com os seus contributos e experiência! Vamos começar por participar nesta discussão online. A discussão terá lugar a 9 de março de 2021, terça-feira, entre as 10:00 e as 16:00 CET (9:00 / 15:00 Lisboa). A discussão escrita será precedida por uma transmissão ao vivo com uma introdução aos focos temáticos de 2021 e será apresentada por Gina Ebner e Aleksandra Kozyra, da Associação Europeia para a Educação de Adultos (EAEA), em representação do Conselho Editorial da EPALE.

Mais

Debate da EPALE: o futuro da educação de adultos

A 8 de julho de 2020 (quarta-feira), com início às 10 horas e encerramento às 16 horas (CEST), a EPALE irá promover um debate online sobre o futuro da educação de adultos. Vamos discutir sobre o futuro do setor da educação de adultos, os novos desafios e oportunidades. O debate será moderado pela especialista da EPALE Gina Ebner, secretária-geral da EAEA.

 

Mais

Comunidade EPALE: partilhe os seus exemplos de boas práticas e de projetos bem-sucedidos no âmbito da educação para a cidadania

No âmbito do foco temático na Educação para a Cidadania, queremos ouvi-lo(a) a si – membro da comunidade EPALE – sobre exemplos de boas práticas e de projetos bem-sucedidos no âmbito da Educação para a Cidadania para adultos.

Mais