chevron-down chevron-left chevron-right chevron-up home circle comment double-caret-left double-caret-right like like2 twitter epale-arrow-up text-bubble cloud stop caret-down caret-up caret-left caret-right file-text

EPALE - E-Plattform für Erwachsenenbildung in Europa

News

Sindicato dos jogadores Profissionais de Futebol promove ‘focus group’ sobre inclusão de refugiados através do desporto no âmbito do Projeto SPIN

29/05/2017
Sprache: PT

O Sindicato dos Jogadores Profissionais de Futebol (SJPF), enquanto parceiro do projeto SPIN (Sport Inclusion Network), promoveu esta quinta-feira o ‘focus group’, uma reunião de trabalho com a participação de várias entidades nacionais, que tem como objetivo a inclusão de refugiados e migrantes no e pelo desporto.

Durante a reunião, na qual estiveram presentes João Oliveira e Bruno Silva em representação do SJPF, foi feito um levantamento dos problemas e boas práticas, que devem ser tidos em conta nos projetos desportivos que trabalham com refugiados e migrantes.

O ‘focus group’ decorreu na sede do SJPF, em Lisboa, com a presença de representantes do Gabinete de Apoio à Inclusão Social dos Cabo-Verdianos (GAIS-CV), dos Empresários pela Inclusão Social (EPIS), do Alto Comissariado para as Migrações (ACM) e da Academia dos Champs (ADC). 

Esta iniciativa foi desenvolvida pelos oito parceiros do projeto SPIN, incluindo o SJPF. Além do Sindicato dos Jogadores, são parceiros do projeto SPIN o VIDC-FairPlay (Áustria), a Camino (Alemanha), a FAI (Irlanda), a MGHRO (Hungria), a UISP (Itália), a Liikkukaa (Finlândia) e a Faros (Grécia).

O projeto SPIN pretende promover a inclusão e a participação dos migrantes, recém-chegados, nos diferentes níveis do desporto (formal e informal) através da formação, sensibilização e capacidade de construir por parte dos diversos agentes desportivos.

O SPIN é financiado pelo programa Erasmus+, da União Europeia e, sob o lema “Sport Welcomes Refugees” (“O desporto dá as boas-vindas aos refugiados”), desenrola-se até dezembro de 2018.

Tudo sobre o projeto SPIN AQUI.

Share on Facebook Share on Twitter Epale SoundCloud Share on LinkedIn